As montanhas de Wicklow (Wicklow Mountains em inglês) fazem parte de um parque nacional no condado de Wicklow, há cerca de 60 quilômetros ao sul de Dublin.

Trata-se da maior cordilheira da Irlanda em extensão que formam um cenário espetacular e de tirar o fôlego de qualquer visitante.

Para se ter uma noção da beleza do lugar cenas, dos filmes Coração Valente (1995) e PS. I Love You (2007) foram gravadas aqui.

Lago Glendalough nas Montanhas de Wicklow, Irlanda

Glendalough Monastic Site

Dentro do Parque Nacional das Montanhas de Wicklow fica um dos mais importante sítios monásticos do país, o Gendalough.

A maioria dos edifícios que podem ser vistos neste sítio, muitos em estado de ruínas, foram construídos entre os séculos VIII e XII e sofreram diversos ataques vikings. Porém o saque mais severo foi executado pelos ingleses em 1398.

É possível andar pelos escombros da cozinha e da igreja do mosteiro feitos de pedra e também passear por um cemitério cheio de cruzes cestas.

Ruínas de Glendalough Wicklow Irlanda

Ruínas de Glendalough Wicklow Irlanda

A Torre Redonda (The Round Tower)

A mais famosa de todas as edificações de Glendalough é a Torre Redonda, com 33 metros de altura. Torres redondas eram usadas pelos monges como mirantes para observar a aproximação de inimigos e como lugar do refúgio em caso de ataques.

O telhado cônico da torre chegou a ser destruído e precisou ser restaurado em 1876.

Torre Redonda de Glendalough Wicklow Irlanda

Torre Redonda de Glendalough Wicklow Irlanda

Lago Superior de Glendalough (Glendalough Upper Lake)

Bem próximo ao sítio monástico encontra-se o deslumbrante Lago Superior de Glendalough. Esse lago fica em um vale entre as montanhas de Wicklow com muita natureza intocada ao redor.

Com sorte dá para observar pequenos animais como pássaros e patos em seu habitat natural. Uma paisagem absolutamente exuberante que chega até a ser difícil acreditar que é real!

Lago de Glendalough Wicklow Irlanda

Lago de Glendalough Wicklow Irlanda

Todas as fotos deste post foram tiradas por Nana Marques (todos os direitos reservados). Copyright Nana Marques.

Deixe uma resposta